Aumente em até 40% o ticket médio do seu restaurante!

Conheça o oimenu

O que servir em uma cafeteria: ideias para o cardápio perfeito

Um guia para o sucesso: tudo o que você precisa saber para montar um cardápio perfeito para a sua cafeteria, se tornar um mestre do café e transformar o seu negócio em referência na cidade.

Compartilhe

O que servir em uma cafeteria

O cardápio é um dos itens mais importantes de uma cafeteria, sendo necessário estudar alguns detalhes do seu estabelecimento para conseguir servir um menu ideal e sem excessos.

Para isso, você precisa saber o que vai agradar o seu público, dispondo de bons ingredientes, servindo o que o cliente procura e oferecendo o melhor atendimento.

O primeiro passo para saber o que servir em uma cafeteria é entender que a localização é uma estratégia na hora de pensar o que servir para seus clientes. Isso ajudará a entender que tipo de público é o seu e qual o fluxo de clientes o seu negócio terá.

Por exemplo, se a sua cafeteria fica em um bairro cercado por empresas, prédios e escritórios, provavelmente terá um movimento maior de pessoas e, possivelmente, será um sucesso.

Aliás, ter uma equipe organizada e preparada para lidar com o movimento é imprescindível nessas horas.

Pensando no exemplo acima, um público-alvo que inclua empresários e administradores tende a ser mais apreciador de café e de suas variações. Para entender melhor o que os seus clientes gostam de consumir, também é ideal analisar a concorrência, percebendo a preferência do público.

Um dos segredos para um bom cardápio de cafeteria é conhecer o básico de doces, salgados e cafés, pois o simples, quando bem feito, sempre vai agradar.

Por isso, continue a leitura para conferir o que é interessante oferecer no seu cardápio de base.

O que servir em uma cafeteria?

Cafés, bolos, salgados, sucos e sanduíches. Esses são apenas alguns dos produtos para cafeteria que você pode oferecer aos seus clientes. Mas, para quem foge do básico, apresentamos um guia de opções de cafés diferenciados e variedades de lanches para vender na sua cafeteria.

E, se você chegou até aqui pensando em começar o seu empreendimento e procura por opções de ideias criativas para cafeteria, vem com a gente conferir essas alternativas que vão fazer o seu negócio ser um sucesso!

O que posso vender em uma cafeteria?

Essa é uma dúvida comum de todo empreendedor que está começando. Por isso, do básico às ideias criativas para cafeteria, o oimenu vai ajudar você nessa empreitada rumo ao sucesso.

Confira nossa lista do que servir em uma cafeteria:

1.  Bebidas

Bebidas cafeteria

É claro que em uma cafeteria é preciso vender café — e até mais que um tipo de café. Para isso, você precisa entender do assunto. Além do café expresso ou café com leite, existem outros tipos de café para servir em uma cafeteria, sendo importante oferecer opções como:

  • Cappuccino
  • Frappuccino
  • Macchiato
  • Café latte
  • Mocha
  • Naked
  • Americano

Esses itens listados são os mais populares, mas existem diversas variações e é bem importante variar entre drinks de café quentes e gelados. Opções como os cafés especiais, moídos na hora e coados podem ser um diferencial também.

Foi pensando nisso que trouxemos mais ideias para você um guia de sabores e métodos diferentes para fazer o café da sua cafeteria se destacar dentre os demais.

E, se você está se perguntando como servir café em uma cafeteria, há outras formas de se servir café do que você pode imaginar: café passado, gelado, expresso, com ou sem leite e até mesmo café “com leite” vegano.

Isso sem contar os métodos para se fazer o café: prensa francesa, com filtro, de máquina ou solúvel. E a lista não para por aí.

Separamos as principais maneiras de como servir café em uma cafeteria para você preparar com excelência o produto principal do seu empreendimento. Confira:

Café expresso

Cafe expresso cafeteria

Provavelmente, o café expresso é o mais famoso nos grandes centros do País. Isso porque ele é super concentrado e de preparo rápido, embora você precise de uma cafeteira própria para isso, já que para fazer o café expresso é necessário uma máquina de café específica e profissional, que possua sistema de pressão e moagem de café.

O passo a passo para fazer o café expresso é bem simples caso você já tenha a máquina: basta colocar na prensa a quantidade de pó de café indicada pelo fabricante para uma xícara e acionar o jato d’água.

Prontinho: a força do jato por si só já é responsável por criar aquela espuma característica do café expresso que o torna tão famoso e delicioso.

Café passado/caseiro

O café com gostinho caseiro tem que ser uma opção na sua cafeteria, afinal muita gente quer conforto na hora de tomar um cafezinho, e nada melhor do que um gostinho de café feito em casa.

Esse tipo de café é bem simples: basta um coador, um filtro, água fervente e algumas colheres de sopa de café em pó — o número de colheres depende de quantos litros de água você vai utilizar.

É muito comum fazer o processo de escaldar o filtro também, para dar um sabor mais marcante para a bebida. Para isso, use um pouco da água fervente para escaldar o filtro. Descarte a água e faça o café sobre o filtro molhado previamente.

Café gelado ou cold brew coffee

Cafe gelado cafeteria

Febre mundo afora, o café gelado tem se tornado tendência principalmente para os amantes de café nos dias quentes de verão.

Há duas formas de se prepará-lo: o modo fácil e o método cold brew. O café gelado fácil é, basicamente, o café coado resfriado em banho maria ou em temperatura ambiente e, depois, são adicionadas pedras de gelo. Simples, não é?

É dessa base simples que pode se fazer um frappuccino, por exemplo. Basta congelar o café gelado em forminhas de gelo e bater a mistura com leite e açúcar.

Já o cold brew é um café especial: ele é, em média, 70% menos ácido que os cafés quentes, além de ser mais doce e possuir aroma mais marcante também, o que o torna uma ótima pedida para os verdadeiros amantes do café.

Ao contrário do café gelado tradicional, o cold brew é feito a partir da infusão dos grãos em água fria. Feita a infusão, o café deve “descansar” por um período de 10 a 15 horas, pois é nesse processo de repouso que o café adquire o sabor e a doçura característicos do cold brew coffee.

Café com leite + opção vegana

Cafe com leite cafeteria

O café com leite ou “pingado”, como é popularmente conhecido no Brasil, é o café mais popular na mesa dos brasileiros. Afinal, nada melhor para começar o dia do que um cafezinho com leite, não é mesmo?

Infelizmente, o café com leite se tornou inviável para muita gente, desde quem é intolerante à lactose a quem opta por uma dieta vegana. Por outro lado, há soluções para quem tem uma alimentação mais restrita, mas ainda quer desfrutar de um café com leite.

Os leites de soja e amêndoa são opções saudáveis e sem lactose, além de ser segura para veganos. Há, ainda, outras opções, como o leite de arroz, o leite de côco e de castanhas. As bebidas vegetais, no geral, são opções seguras para quem tem problemas com lactose.

Além do café, seu estabelecimento pode — e deve! — ter variedade de bebidas, como chocolates e chás quentes e gelados, matte, sucos naturais, água sem e com gás, refrigerantes e, em alguns casos, até mesmo vinho e alguns drinks alcoólicos — existe a caipirinha de café e alguns cafés que contêm, por exemplo, whisky.

2.  Doces

Entre tantas opções, fica a dúvida de quais doces vender em uma cafeteria. Mais uma vez existe um cardápio básico em que a chance de erro é quase nula e todo mundo consegue sair satisfeito. Opções conhecidas como os comuns e queridinhos são:

  • tortas de chocolate, prestígio, limão, morango, entre outras;
  • brigadeiros tradicionais e gourmet;
  • pudim;
  • bomba de chocolate;
  • macarons;
  • donuts;
  • cookies; e
  • brownie.

Não é necessário servir tantas opções de cada item, mas é importante oferecer uma variedade de docinhos. Incluir produtos para quem segue dietas especiais também é uma ótima proposta para quem quer se diferenciar no mercado.

3.  Salgados

Os salgados também fazem parte dos itens indispensáveis quando o assunto é cardápio de cafeteria. Quando se pergunta quais salgados servir, é fácil de responder, pois temos uma lista dos clássicos de ouro que inclui:

  • tortas;
  • pastéis de forno;
  • esfihas fechadas;
  • empadas;
  • quibes; e
  • coxinhas.

Tente variar os itens acima com recheios de frango e catupiry, carne seca, palmito, quatro queijos, entre outros. Os salgados precisam ser mais sofisticados, de preferência menos oleosos, menos calóricos e em formatos reduzidos ou diferentes.

E que tal apostar nesses salgados que são refeições leves e simples para serem consumidas de forma rápida? Se a sua cafeteria estiver em área comercial, vale apostar em:

  • crepes recheados;
  • saladas;
  • massas;
  • risotos; e
  • escondidinho.

Como se pode notar, o menu da sua cafeteria varia de acordo com a localização e com o seu público. Talvez você precise incluir itens regionais, caso esteja em uma localização mais turística, ou usar da criatividade inovando com itens sazonais, que levem café nos ingredientes, caso seja uma área mais urbana e moderna.

4.  Bônus: Latte art e ideias criativas para cafeteria

Ideias criativas cafeteria

Você já deve saber que, para um negócio fazer sucesso, quanto mais diferenciado ele é, mais as chances de dar certo, né? Afinal, se há muitas cafeterias por aí, o que você pode oferecer no seu estabelecimento que pode atrair mais clientes que a concorrência?

Em tempos de redes sociais, muita gente posta foto daquele cafezinho, né? Então trouxemos uma ideia para tornar o seu café ainda mais atrativo. O latte art é o nome dado aos desenhos feitos na espuma do leite que incorpora o cappuccino ou o cafezinho com leite.

Há duas técnicas utilizadas para fazer os desenhos: pouring e sketching. A primeira, consiste na habilidade de desenhar com o leite. Para isso, é preciso acertar no ponto do leite e se tornar um mestre na inclinação do jarro, pois é a pressão e o ponto do leite que determina o desenho.

Já no sketching, é bem mais simples. Bastam alguns instrumentos - como palitos de madeira, chocolate em pó, canela ou caldas - para soltar a criatividade. Os desenhos, nesse caso, são feitos sobre o leite vaporizado e o palito serve como uma caneta para desenhar os contornos. Finalize com caldas e chocolate ou canela em pó para dar mais detalhes à criação.

Todo mundo sai ganhando, o cliente fica satisfeito ao tirar uma boa foto e você ganha clientes e divulgação nas redes sociais. Lembre-se que investir em um cardápio digital para cafeteria nos dias de hoje é sempre uma boa ideia.

Outra ideia é incrementar o cardápio com lanches e bebidas gourmet, já que essa é uma tendência que cresce cada vez mais no país.

Em resumo, o caminho é apostar no simples e no moderno, moldar o seu cardápio conforme o que acredita vender mais e agradar o seu público-alvo.

Transforme o seu cardápio em uma poderosa ferramenta de vendas

Ebook enviado com sucesso!

Agora você pode ler este ebook sempre que quiser. Agradecemos o interesse.

Deixe seu comentário

Conheça o oimenu

Saber mais