5 razões pelas quais seu restaurante precisa de um cardápio digital

Existem muitos detalhes, aparentemente pequenos, que poderão transformar completamente a experiência do seu cliente.

cardápio digital

Administrar um restaurante é um verbo que exige pensar não somente nos detalhes burocráticos, mas nos detalhes da operação. Muitos falam que é um dos ramos mais trabalhosos – e é mesmo. Servir refeições, substituindo a comida de casa, o conforto da casa, o paladar afetivo, gustativo e olfativo, é algo que deve sempre ser feito com excelência.

Ninguém quer ir comer fora de casa e comer uma comida ruim ou receber um atendimento meia boca. E a gente sabe que você, leitor e empreendedor, sabe disso não somente por causa do seu negócio, mas porque já foi cliente em algum outro restaurante, ao longo da sua vida.

Existem muitos detalhes, aparentemente pequenos, que poderão transformar completamente a experiência do seu cliente, no seu estabelecimento. Pra melhor, é claro. E é trabalho de formiguinha, mesmo: ficar em cima da equipe, treinando-a constantemente, atualizando pratos no cardápio, pensando em promoções, combos. É um trabalho que nunca se esgota.

Nesta matéria, contudo, iremos te informar melhor sobre como um detalhe, dentro de toda essa gama de aspectos da administração do seu negócio, pode te fazer saltar na frente da concorrência, ao proporcionar um encantamento único para o seu cliente. Estamos falando do cardápio digital. Vem conhecer com a gente as 5 razões pelas quais o seu restaurante irá se transformar, quando você optar por implementá-lo.

1. Tempo

Se te perguntassem agora qual o maior bem que você possui, você responderia, dentre todos os outros, o seu tempo? Se sim, a gente tem que dizer que este é o bem mais precioso, para todos nós, que estamos vivendo nos dias de hoje.

Arranjar tempo é coisa rara, e isso é igual para quase todas as pessoas. Por isso, o ramo dos restaurantes é um dos que mais cresce no mundo todo: as pessoas precisam se alimentar, mas não estão podendo fazer como antigamente, quando comiam em casa, entre um intervalo e outro. Assim, quando um cliente decide te procurar, você tem que saber que ele está substituindo uma refeição caseira pelo seu produto: aproveite para surpreender.

Falando em tempo, para surpreender o seu cliente, é importante que a sua equipe não demore muito para retirar o seu pedido e entrega-lo o prato que pediu. E é aí que o cardápio digital faz o seu papel: o cliente faz o pedido sozinho, através de autoatendimento. O pedido é enviado diretamente para a cozinha, sem risco de se perder entre as antigas comandas de papel, o que causaria atraso e mal estar. Assim, ao toque de um ou dois cliques, o cliente se sente empoderado, posto que está com autonomia para fazer seu pedido. Como o faria, se estivesse fazendo a refeição em casa.

2. Autonomia cliente

Se o tempo é um bem precioso, a autonomia é a ferramenta por meio da qual as pessoas aproveitam seu tempo. Autonomia é poder de escolha, é empoderamento. Se o cliente pode se autoatender, sem depender da boa vontade do garçom para chegar até à mesa e disponibilizar seu tempo para sanar todas as dúvidas, porque você acha que ele faria de outra maneira?

Uma vez que o cliente possua o cardápio digital em mãos, o garçom vai servir apenas como uma ponte, servindo os pedidos feitos. Com um cardápio digital, todos os detalhes do prato (receita, ingredientes, modo de preparo, fotos) estarão nas mãos do clientes, fazendo com que, inclusive, seja mais assertivo em sua escolha, diminuindo aquela sensação de que deveria ter pedido outra coisa.

Autonomia é o que leva o cliente a retirar ou acrescentar ingredientes e escolher o ponto da sua comida. E é aí, nessa hora, que a mágica acontece: o poder de ter a escolha em suas mãos, literalmente, proporciona uma experiência diferenciada à sua clientela.

3. Experiência diferenciada

Os pequenos detalhes: um copo d’água de cortesia, uma cestinha de pães especiais e um tablet na mesa. Sim, o cardápio digital é um software de restaurante, que opera por meio de um tablet, discreto e elegante. Fazer brilhar os olhos do cliente é um fator que, somado ao bom atendimento, bom produto e um ambiente aconchegante, leva à fidelização do pessoal.

O boca a boca é a melhor propaganda porque é baseada na espontaneidade. Em tempos de mídias sociais, a gente fala muito em engajamento: quanto mais curtidas e compartilhamentos orgânicos melhor. Mas o termo é antigo, anterior à era das redes sociais. Ao contrário, qualquer empreendedor sempre sonhou com o engajamento REAL dos seus clientes e, se você proporcionar as razões corretas para eles, virarão promotores do seu negócio. Sem esforço para patrocinar mídias e marketing grandiosos. Assim, podemos afirmar que o implemento do cardápio digital é um passo gigantesco rumo à ganhar uma massa de promotores do seu restaurante.

4. Destaque um produto personalizado para seu cliente

Você conseguiu economizar em marketing, ao proporcionar uma experiência diferenciada para os seus clientes, que sairão promovendo o seu estabelecimento por conta própria. Agora imagina se, além dessa economia com o marketing, você conseguir aumentar o ticket médio desse cliente? Com o cardápio digital isso é possível, pois como o tablet fica na mesa o tempo todo, você pode destacar promoções e sugestões personalizadas para pipocarem na tela, enquanto o cliente espera o pedido chegar.

Uma das maiores vantagens do cardápio digital é que a tecnologia vai dar uma dimensão diferenciada do seu negócio não somente para o seu cliente, mas para você, também. Como estamos falando de um software (e não de um item estático, como papel ou plástico), você pode oferecer e sugerir a sobremesa para o cliente, enquanto ele aguarda pelo prato principal, otimizando o tempo de espera que ele teria para fazer o pedido de um doce e aumentando o seu ticket médio.

5. Facilidade para alterações: economia nos custos

Aliás, falando em sustentabilidade, ao implementar o cardápio digital, você estará conseguindo acabar com o aspecto antigo dos cardápios tradicionais, e economizando em custos para suas constantes manutenções e reformulações – que muitas vezes dependem de designers e gráficas.

Concentrando todas as modificações neste item do seu estabelecimento num software, ou seja, num programa de restaurante, uma vez realizada a modificação, ela é implementada instantaneamente, sem depender do tempo de produção numa gráfica, por exemplo.

Outra economia, e das mais marcantes, é a diminuição dos custos com o setor pessoal, já que a equipe pode ser diminuída, quando o garçom servirá de ponte para entregar o produto para o seu cliente (que, importante lembrar, fez todo o pedido por conta própria).

Reduzir os custos do seu negócio, leva a um aumento no ticket médio, ou seja, leva a um aumento no lucro.

E aí, está querendo, pelo menos, fazer um teste com o cardápio digital no seu restaurante para medir a febre dos seus clientes? Se sim, te convidamos a entrar em contato com a equipe do OiMenu para agendar uma demonstração, pois, além de surpreender os seus clientes ,você se surpreenderá também, com tanta tecnologia envolvida a favor do seu negócio. Conte conosco!

O que você achou do post?

4 Respostas

Deixe seu comentário