Aumente em até 40% o ticket médio do seu restaurante!

Conheça o OiMenu

14 ideias de comida delivery para vender

Confira algumas ideias para delivery que estão em alta e ganhe dinheiro empreendendo no ramo de alimentos.

Compartilhe

Ideias para delivery

Se você está buscando ideias para delivery, nós temos várias para você. Nos últimos tempos, diversos bares e restaurantes tiveram que se reinventar e o delivery passou a fazer parte da rotina dos negócios gastronômicos que só conheciam o atendimento no local.

Inclusive, muita gente que não era do ramo de alimentos também viu no delivery de comida uma possibilidade de empreender. Com coragem e criatividade, com certeza é possível abrir um delivery de sucesso.

Como abrir um delivery

Quem deseja abrir um delivery deve, antes de tudo, ter uma estratégia comercial. Comece avaliando e decidindo como será sua atuação. Por exemplo, você já pensou no momento do consumo do seu futuro cliente?

Almoço no trabalho ou casual? Lanchinhos? Refeição romântica? Jantar de última hora? Com colegas de trabalho? Brunch? Ocasião especial?

As possibilidades são inúmeras. Defina qual será o seu público-alvo e o tipo de consumo que poderá agradá-lo mais. Perceba que é importante notar não apenas o período do dia em que o consumo acontece, mas por quais motivos surge tal necessidade, onde será consumido e com quem.

Com isso em mente, já comece a pensar em como divulgar seu cardápio de delivery para atraí-lo. Selecione produtos que podem gerar tráfego para sua página ou site e os de alta margem, que são aqueles que mesmo que o volume de vendas não seja grande, ainda deixam um bom resultado. Ou por que não, aliar os dois: produtos de boa margem e produtos atraentes?

Depois de definir os produtos, saiba o custo deles e some a outros custos, como da entrega, embalagem e promoção, para definir sua margem de lucro. Também tenha uma estratégia de entrega e um raio de atuação - essa parte é fundamental para esse tipo de negócio.

Por fim, pense também no pagamento, que pode ser feito dentro de plataformas de delivery ou por link de pagamento, se for online, e por pagamento na entrega, pela maquininha ou em dinheiro. Essa é uma opção que sempre vai existir, já que não é todo mundo que gosta de pagar antes de receber o produto.

Além disso, escolha uma plataforma de aquisição de pedidos, que nada mais vai ser do que o seu cardápio online. Você pode criar um aplicativo próprio ou usar o aplicativo de um terceiro ou um marketplace.

Calendário Mensal com Idéias de Postagens

Planilha enviada com sucesso!

Enviamos para o seu e-mail a planilha com Calendário Mensal com idéias de postagens.

Ideias de comida para vender no delivery

Ok, se você quer mesmo começar um delivery, agora já tem uma ideia de como fazer, mas talvez ainda não saiba qual produto oferecer.

Por isso, preparamos uma lista com algumas ideias que podem ser usadas até mesmo por quem não pode investir em um ponto para preparar os pratos, começando na cozinha da própria casa. Inspire-se:

1.  Alimentos saudáveis

Cada vez mais pessoas estão buscando manter uma alimentação saudável, seja para deixar o corpo em forma ou simplesmente para manter a saúde. Por isso, criar um delivery de comida saudável tem tudo para ser sucesso!

Uma boa ideia é divulgar esse cardápio em academias, clubes e parques, lugares onde as pessoas praticam esportes e também buscam esse estilo de vida saudável.

2.  Alimentos orgânicos

Por causa dessa maior procura para manter a saúde, outro nicho que está em alta é o dos alimentos orgânicos, por serem livres de agrotóxicos.

Atualmente, as pessoas têm uma preocupação maior com o que estão ingerindo e muitas valorizam que sua alimentação seja livre de substâncias que possam causar doenças, mesmo que precisem pagar mais por isso.

3.  Alimentos para quem tem restrições alimentares

Quantas vezes você já não ouviu aquele seu amigo celíaco ou intolerante à lactose reclamando o quanto é difícil encontrar algo para comer fora de casa? Aí pode estar a sua chance de conquistar um público muito fiel!

Crie pratos variados para pessoas que possuem restrições alimentares. Pesquise, porque entregar um cardápio raro de ser encontrado na concorrência pode valer muito a pena.

4.  Alimentos veganos

Outro grupo cada vez maior nos últimos anos é o dos veganos. A estimativa é de que no Brasil existam 30 milhões de vegetarianos e, desses, 7 milhões sejam veganos, de acordo com o WVegan.

Esse público busca um consumo de alimentos consciente. Portanto, crie um cardápio que descarte alimentos de origem animal, mas que também ofereça alimentos de qualidade, como os orgânicos.

5.  Bebidas

Por que não oferecer apenas bebidas por delivery? Quem nunca teve uma refeição completa para saborear, feita em casa, e descobriu que não tinha nada para beber? Sem contar que, de vez em quando, todo mundo gosta de uma festinha regada a bons drinks em casa com os amigos.

Por ser uma demanda de necessidade, você pode aumentar o seu ticket médio.

6.  Hortifruti

Como já falamos nos itens anteriores, é fato que a busca por uma vida mais saudável tem crescido. Nessa onda, estão pessoas que gostam de preparar suas próprias comidas saudáveis, mas que estão sem tempo para comprar frutas e verduras.

Toda cidade tem um pequeno agricultor - ou vários - que pode ajudar você nesse negócio. A feira na casa do seu cliente pode ser uma ótima ideia!

7.  Comidas étnicas

Comida mexicana, japonesa, tailandesa, italiana, portuguesa, francesa, marroquina? Existe um tipo de público que adora experimentar pratos de outras partes do mundo. Faça uma pesquisa e descubra que tipo de comida étnica seria mais bem aceita pelas pessoas do seu bairro ou cidade.

Aí é só correr para o abraço, colocando a alma daquele país ou região no seu preparo, identidade e embalagens.

8.  Confeitaria caseira

Basicamente, itens de padaria. Doces, salgados e cafés na casa ou no trabalho do seu cliente quando a fome apertar, de manhã ou no meio da tarde, por exemplo. Nesses horários em que a pessoa só quer um lanchinho, sabe?

De brigadeiro a coxinha, difícil quem não gosta de dar uma beliscada entre as refeições.

9.  Cook & Go

Às vezes a gente nem pensa em quem gosta de cozinhar quando vai vender comida, porque já considera que não é alguém que vá comprar pratos prontos. É aí que entra essa novidade e até mesmo uma tendência na gastronomia para os próximos anos, que é quando o consumidor não recebe o prato pronto, mas os ingredientes para montá-lo.

E o Masterchef está aí para não nos deixar mentir: as pessoas adoram ligar seu lado chef de vez em quando, e algumas sempre!

10.  Hambúrguer gourmet

Uma ótima ideia para quem não quer criar muitas opções no cardápio, mas oferecer opções criativas, é montar um delivery de hambúrguer gourmet. Dê prioridade para a qualidade dos ingredientes e capriche na apresentação. Um hambúrguer sempre é bem-vindo. Com a divulgação certa, logo, logo, você conseguirá vários clientes.

11.  Lanches

Sanduíches e torradas. Às vezes, tudo que o consumidor quer é uma comida que ele mesmo poderia preparar, mas, com a correria do dia a dia, não deu tempo. Ele não quer ter que usar talheres nem gastar muito dinheiro ou levar muito tempo para comer, mas está com fome e precisa de um lanche.

Dedique-se ao sabor e tenha certeza que seus clientes sempre lembrarão de você quando esse tipo de situação acontecer.

12.  Marmitas

Assim como no caso dos lanches, você pode vender marmitas prontas para refeições como almoço e jantar. Elas costumam ser uma opção mais barata e balanceada, contendo de três a quatro tipos de alimento, às vezes com uma sobremesa ou bebida inclusos. Você pode fechar pacotes mensais com seus clientes, oferecendo um preço camarada.

13.  Personal chef

Você já pensou em entregar serviços gastronômicos? Isso significa entregar além de pratos, mas um buffet especializado, com saladas, entradas, pratos principais e secundários, sobremesas e bebidas?

Essa é uma forma de aumentar seu ticket médio, oferecendo um serviço exclusivo e que o consumidor também vai gostar muito, já que talvez ele queira comemorar uma ocasião especial, mas não tenha como gastar com o aluguel de um lugar e outros preparativos.

Seu serviço pode proporcionar que ele tenha tudo isso onde quiser e talvez até incrementando com outros itens, como uma playlist personalizada e materiais decorativos. Ele e os convidados só vão precisar curtir e saborear.

14.  Pizza

E a clássica pizza! É um produto que atinge diversos públicos e um dos pratos mais pedidos por delivery. Escolha os sabores e dê a sua cara para o negócio. Já que existem vários concorrentes, você precisa mostrar seus diferenciais para que as pessoas se interessem em chamar o seu delivery.

Como fazer marketing para delivery

Ao longo das ideias, falamos por várias vezes na questão da divulgação do negócio. Todo empreendimento novo precisa ser divulgado. Além disso, você vai precisar pensar em promoção para delivery e também nas embalagens ideais para seu delivery. Todos esses detalhes são importantes para atrair e manter clientes.

Crie perfis nas redes sociais. O Instagram é a mais recomendável delas, por ser uma rede social de fotos. Tire fotos suculentas dos seus pratos, até mesmo contrate um fotógrafo para caprichar nas imagens. Elas poderão ser usadas também no seu cardápio.

Não tem nada mais triste do que querer pedir comida e não conseguir ver como o prato é. Ou desistir de pedir por causa de uma foto que está em baixa resolução ou nada atrativa.

Pense em promoções que você pode fazer para atrair as pessoas, elas precisam saber que você existe e uma promoção incentiva o consumo.

Finalmente, priorize embalagens de qualidade, que não misturem a comida nem a deixe esfriar rapidamente. Aproveite o espaço da embalagem para inserir sua marca, algum recado especial ou mesmo descontos para os próximos pedidos. O marketing para delivery jamais deve ser deixado de lado.

Agora que você já tem algumas ideias, mãos à obra e bons negócios!

Transforme o seu cardápio em uma poderosa ferramenta de vendas

Ebook enviado com sucesso!

Agora você pode ler este ebook sempre que quiser. Agradecemos o interesse.

Deixe seu comentário

Conheça o OiMenu

Saber mais