Aumente em até 40% o ticket médio do seu restaurante!

Conheça o oimenu

Entenda a importância de um modelo de cardápio bem elaborado

Conheça os modelos de cardápios mais usados em bares e restaurantes para inspirar e, melhor ainda, criar um personalizado e encantar os seus clientes.

Compartilhe

modelo de cardápio

Conheça os modelos de cardápios mais usados em bares e restaurantes para tirar inspirações e personalizar os do seu estabelecimento, observando as melhores ideias que podem ser adaptadas ao seu modelo de restaurante.

Não há jeito certo de elaborar um cardápio. O que você pode - e deve! - fazer é deixá-lo intuitivo, fácil de entender e gostoso de ser apreciado. Quanto mais visualmente agradável, mais conversão em vendas você certamente terá.

Aliás, o restaurante brasileiro "A Casa do Porco", que recentemente foi eleito entre os 50 melhores do mundo pela lista "The World's 50 Best", possui um menu degustação muito inusitado: ele imita um jornal, contando sobre os pratos, sem, na verdade, mencionar nada sobre eles. O restaurante, que ficou em 39º lugar no ranking mundial, é divertidíssimo, não há nada de pomposo, a não ser o título recentemente recebido.

Estamos informando isso para que os administradores percebam que tudo é válido, mas que o capricho é fundamental. Sofisticação pode significar simplicidade. Informar bem - ou instigar, como é o caso do menu degustação do restaurante brasileiro "A Casa do Porco" - é o que vai fazer toda a diferença.

4 ideias que podem ser usadas para melhorar o cardápio

  1. Lindas imagens, em alta resolução. Leve à sério e invista em um fotógrafo, capriche na produção;
  2. Hoje há profissionais especializados em "food styling", ou seja, em providenciar estilo para a comida;
  3. Descrições detalhadas dos ingredientes ou receitas para fazer o cliente salivar;
  4. Instigue o seu cliente, como no caso do restaurante "A Casa do Porco", que oferece um menu degustação (aquele que você confia no chefe, sem escolher a comida da sua preferência), através de algo lúdico e divertido.

Entenda o seu cliente e a sua operação

Para ser certeiro, o empreendedor precisa saber se serve lanche (e qual tipo: hambúrguer americano ou xis salada, bem brasileiro) ou pizza (e como é servida: a la carte ou por sistema de rodízio).

Isso fará toda a diferença, pois entender bem como funciona a sua operação pode ajudar na elaboração do seu próprio modelo de cardápio. Por exemplo: se você serve xis salada para um público mais descontraído, o seu cardápio não precisa (na verdade, nem deve) ser rebuscado e difícil de entender.

O que seu cardápio deve conter

Coloque imagens, diga quais ingredientes estão presentes em cada receita e você pode, inclusive, criar combos com bebidas para cada receita - ou algumas delas.

O cardápio pode ser de papel, plástico ou digital. Contudo, simplificar não quer dizer desleixo. Escolha um bom papel ou plástico, para ser durável. Ou modernize e dê um ar de sofisticação - sem complicar - implementando o cardápio digital. Tocar no tablet para realizar o pedido já fará um bom trabalho para impressionar o seu cliente.

Quais os modelos de cardápio mais usados

modelo de cardápio mais usados

Podem ser criados modelos de cardápios de lanches, modelos de cardápio para restaurantes de maneira geral ou modelos de cardápios para bares. Entender o seu próprio é o primeiro passo.

No caso das lanchonetes, eles costumam ser bem simples e direto ao ponto, pois os ingredientes fáceis e comuns não precisam de muita explicação. Você pode fazer, então, o cliente salivar ao acrescentar uma bela imagem do seu produto;

No caso dos restaurantes, há maiores possibilidades, pois depende de cada casa. Uma cantina italiana terá um cardápio bem diferente de uma casa de carnes uruguaia, que por sua vez terá um cardápio bem diferente de uma churrascaria brasileira.

Sofistique o seu cardápio apenas na medida em que toda a sua operação também seja sofisticada. E lembre-se que mesmo um restaurante que está na lista dos 50 melhores do mundo sequer tem um cardápio rebuscado - ao contrário, é completamente informal e divertido.

Cardápio de bebidas e drinks

como montar um cardapio de bar

Capriche nas fotos e nas variedades dos drinks. Nestes casos, é importantíssimo descrever detalhadamente cada sabor e bebidas utilizadas, pois, provavelmente o seu repertório incluirá bebidas do mundo todo.

Deixe o cliente à vontade, sem que ele fique constrangido ao ter que perguntar, acrescentando todas as descrições no cardápio relevantes.

Como criar seu cardápio

Não há regras e você pode contratar profissionais especializados nisso, como designers ou uma empresa de marketing. Mas saiba que eles também irão te questionar quais os objetivos da casa, qual o público-alvo que frequenta e como funciona a sua operação, sendo, portanto, de fundamental importância que o proprietário tenha todas essas questões bem resolvidas.

Os cardápios digitais são mais fáceis de serem elaborados, pois é um serviço personalizável que já está pronto, todo pensado com psicologia do consumo embutido e que, no pacote, estão incluídos as imagens e descrições, que podem ser modificadas a qualquer tempo, sem necessidade de nova formatação e confecção, por exemplo.

A importância de um cardápio bem elaborado

Um bom cardápio favorece e valoriza a sua marca, perante o cliente. Ninguém, em hipótese alguma, gosta de chegar num restaurante e ter que segurar um pedaço de papel rasgado ou de plástico engordurado. A primeira impressão é a que fica, certo? E isso vale para este para seu negócio também.

O cliente registrará as primeiras impressões com o ambiente, o serviço de atendimento ao cliente e o cardápio. Mostre todo o seu capricho e tente fazer com que estes três aspectos (ambiente, atendimento e cardápio) conversem entre si e estejam de acordo com o seu nicho.

6 dicas de como montar um cardápio personalizado

  1. Provoque o cliente: faça-o querer pedir;
  2. Disponibilize informações detalhadas;
  3. Capriche em belas imagens para que o cliente saiba exatamente o que virá da cozinha;
  4. O restaurante todo deve conversar com o modelo escolhido: isso valoriza a sua marca e fideliza o cliente;
  5. Invista em uma boa diagramação, coloque algumas curiosidades.
  6. Faça o cliente reter para ler o seu cardápio, pois, assim, ele vai possivelmente pedir mais.
Transforme o seu cardápio em uma poderosa ferramenta de vendas

Ebook enviado com sucesso!

Agora você pode ler este ebook sempre que quiser. Agradecemos o interesse.

Deixe seu comentário

Conheça o oimenu

Saber mais