Deliway

Como montar um pub de sucesso?

Descubra se você já tem tudo que precisa para montar um pub de sucesso, conferindo as nossas dicas, que vão desde itens essenciais até inspirações para o seu negócio.

Como montar um pub

Pubs são estabelecimentos característicos de países com influência britânica, nos quais se vendem refeições e, especialmente, bebidas alcoólicas. Entre elas, a cerveja é a principal.

Essa é uma boa definição para esse tipo de negócio. E a verdade é que, no Brasil, poucos são os bares que podem ser considerados pubs autênticos.

O que é um pub?

O pub é um tipo de bar, mas não qualquer bar. Isso acontece porque existe uma história por trás desse tipo de instalação. Quem pretende empreender montando um pub, deve conhecer essa história, bem como saber contá-la aos clientes, para iniciar uma boa conversa.

Pub é abreviação de public house. Do inglês, significa casa pública, e é um tipo de estabelecimento bastante comum no Reino Unido. Sua origem vem da Grã-Bretanha e outros países com influência britânica, e a diferença fundamental deles para os bares que conhecemos no Brasil é a sua decoração.

Normalmente os pubs são temáticos, conectando-se às culturas inglesa, irlandesa ou a épocas passadas, como quando existiam as tabernas.

Um dos pubs mais conhecidos do planeta é o Cavern Pub. Ele fica na cidade inglesa de Liverpool e é conhecido por ter sido o bar em que os Beatles iniciaram a sua carreira.

A história dos pubs

A ideia de pubs começou na colonização romana da Inglaterra. Na época, esses locais ficavam à beira de estradas e eram conhecidos como tabernas. Eram lugares para descanso e entretenimento.

A bebida mais famosa das tabernas era o vinho, muito diferente dos dias atuais. Foi pela invasão de anglo-saxões e vikings que o vinho foi deixado de lado e a cerveja conquistou o espaço - e os corações - dos frequentadores das antigas tabernas.

De lá pra cá, eles passaram a ser um ponto de encontro, ainda antes sendo chamados de regulars, porque os ingleses frequentavam sempre o mesmo pub, mantendo a fidelidade por gostarem da temática escolhida ou pela proximidade do seu trabalho ou lar.

Um exemplo é o The Eagle and Child, também conhecido como The Bird and The Baby, que é um pub inglês que ficou famoso pela sua conexão com o grupo de escritores The Inklings, da Universidade de Oxford. Seus membros mais famosos foram J.R.R. Tolkien e C.S. Lewis, respectivamente os autores de Senhor dos Anéis e As Crônicas de Nárnia.

Já deu pra entender que um pub precisa ter uma história para contar, não é?

Abrir um pub: por onde começar

Comece identificando a diferença entre um bar e um pub. Montar um bar não é o mesmo que montar um pub.

Como esse não é um tipo de negócio comum no Brasil, quanto mais fiel você for ao que um pub realmente é, mais diferenciais você vai entregar para o seu futuro público e poderá chamar o seu estabelecimento, tranquilamente, de pub.

Os pubs costumam ter uma decoração temática que nos conecta com a cultura e a história inglesas. Seu principal produto precisa ser a cerveja artesanal, que normalmente é servida nos taps, que são as torneiras de chopp. Mas a cerveja também é servida no balcão.

Outra diferença muito sutil dos pubs é que eles costumam ser lugares mais fechados, enquanto os bares são mais abertos, muitas vezes com cadeiras na calçada. Esse estilo aberto é bem comum no Brasil, por ser um país tropical.

Por terem origem em países europeus frios, o estilo mais fechado se explica, pois serve para manter os clientes aquecidos, com maior aconchego.

Falando nisso, os pubs tradicionais são mesmo lugares acolhedores, nos quais as pessoas se encontram para conversar e beber cerveja em momentos como no final do dia de trabalho, seja com colegas, amigos ou parentes. Por aqui, esse é o famoso e já conhecido happy hour.

Por isso, o público de um pub costuma ser a sua vizinhança, o que não acontece em um bar, que recebe pessoas de todos os lugares da cidade.

Como montar um pub de sucesso

Até aqui, ficou claro que, ao montar um pub, não tem como deixar a cerveja de fora, certo? É importante sempre oferecer a bebida, que geralmente é feita pelo próprio pub e servida direto do barril. Nos bares, encontramos as opções engarrafadas, o que não é tão atraente para o público do pub.

Também não é necessário ter uma mesa para sentar. É comum que os clientes bebam cerveja no balcão. Então, ter um balcão também é essencial.

Quanto às atrações, os pubs não devem ser como bares que contam com shows ou coquetéis elaborados. As duas atrações principais de um pub devem ser a cerveja e as pessoas. A ideia não é usar música ao vivo nem oferecer grandes eventos.

Talvez uma comparação perfeita para um pub seja o famoso “bar de esquina” brasileiro, local onde as pessoas vão só pra bater um papo mesmo, ou assistem a jogos de futebol pela televisão - uma paixão tanto britânica quanto brasileira -, bebendo sem preocupação, porque a casa costuma estar próxima do pub, sem longos caminhos de volta.

Porém, além disso, você vai precisar analisar mais alguns detalhes, como os que listamos abaixo!

1.  Ter, definitivamente, um ambiente aconchegante

Você pode fazer adaptações para agradar o consumidor brasileiro, afinal o negócio tem inspiração britânica, mas estamos no Brasil. Porém, especialistas afirmam que um legítimo pub tem que funcionar em um lugar onde não faça muito calor.

Por isso, a praia ou em ambiente aberto não são boas ideias para criar o ambiente ideal.

Um pub original também tem pouca iluminação e não possui janelas. Depois que você entra, não sabe mais se é dia ou noite lá fora.

Esse estilo de ambiente pode demandar adaptações, muitas vezes estruturais, bem como a inclusão de iluminação e refrigeração adequadas.

2.  Pensar bem no local

Pode acontecer de um pub fazer sucesso em bairros com pouco movimento e de vida noturna baixa, mas as áreas urbanas, nas quais já existem pontos conhecidos dos vizinhos, como restaurantes, pontos turísticos e choperias, por exemplo, são os melhores locais para instalar o seu pub.

Além disso, pense também em algumas necessidades básicas:

  • facilidade de acesso para clientes e funcionários - qualquer pessoa consegue acessar seu pub?;
  • estacionamento ou local próximo a estacionamentos;
  • proximidade de estações e pontos de transporte coletivo;
  • infraestrutura de outros serviços, como bancos e farmácias;
  • qual a segurança da região?;
  • o local não está sujeito a inundações ou em área de risco?;
  • qual a disponibilidade dos serviços de água, luz, telefone e internet?;
  • conheça os serviços de recolhimento de lixo;
  • confira o preço de aluguel; e
  • conheça a influência da concorrência na região.

3.  Estudar a concorrência

Falando em concorrência, esse é um mercado que apresenta uma concorrência progressiva, segundo estudos do Sebrae, e que demanda criatividade.

Um pub concorre com outros bares temáticos, clubes noturnos e boates. Observar o mercado local e saber qual é o nicho de clientes para o qual você vai direcionar seus esforços é fundamental para sobreviver no ramo.

Além de estudar a concorrência, conheça seu público-alvo, saiba do que ele gosta e saia na frente dos concorrentes!

4.  Oferecer serviços diferenciados

Entre os diferenciais, vamos bater novamente na tecla do ambiente. Como é considerado um bar temático, o diferencial de um pub no Brasil com certeza vai ser o que o seu espaço mostra, então capriche!

Além disso, ofereça diversidade de cervejas, inclusive importadas e também pratos da culinária anglo-saxônica.

Tudo isso sempre priorizando o bom atendimento, observando o tamanho das porções e também como fará sua divulgação. O marketing estratégico é essencial para que as pessoas saibam que seu pub existe, já entregando uma comunicação diferenciada desde o início. A criatividade também entra em jogo aqui!

5.  Dar atenção a um nicho específico

Estudos mostram que os melhores lugares para abrir esse tipo de negócio são cidades grandes, com pelo menos 40 mil habitantes, e no centro urbano. Também estima-se que as pessoas que frequentam pubs no Brasil têm entre 18 e 36 anos, pois são essas que tendem a se reunir em grupos para bater papo e tomar cerveja.

Existem vários estilos de pub, mas certifique-se de que o seu atende a um nicho específico.

Você pode destinar o seu tema a pessoas que apreciam pagode, rock, MPB ou pop internacional. Mas não tome essa decisão baseada no seu gosto pessoal. Faça um estudo para descobrir se existe interesse dos vizinhos ou pessoas da cidade em consumir os produtos ou serviços que você pretende oferecer dentro desse estilo.

6.  Considerar as questões legais

Por fim, dê muita atenção a todas as questões legais. Para abrir um pub, você pode ter seu registro de forma individual ou em um dos enquadramentos jurídicos de sociedade. Isso vai depender das suas expectativas e do perfil do seu negócio.

Busque um contador, profissional que conheça a legislação tributária a fundo e vai poder auxiliar você nesse processo de legalizar todos os documentos necessários para abrir um pub.

Alguns dos procedimentos para abertura e registro de um negócio assim são:

  • Registro Empresarial na Junta Comercial;
  • Obtenção do CNPJ na Secretaria da Receita Federal;
  • Registro na prefeitura para receber o alvará de funcionamento;
  • Registro no Corpo de Bombeiros Militar para obter o Habite-se: é esse órgão que verifica se o pub atende as exigências mínimas de segurança e de proteção contra incêndio; e
  • Alvará de licença da Vigilância Sanitária.

Além disso, antes da instalação do negócio é preciso fazer uma consulta prévia de endereço na Prefeitura Municipal/Administração Regional, sobre a Lei de Zoneamento. Também é necessário observar o Código de Defesa do Consumidor e a Lei 123/2006, que estabelece o tratamento diferenciado e simplificado para micro e pequenas empresas.

Essa lei oferece vantagens aos empreendedores, inclusive reduzindo ou até isentando de taxas de registros, licenças e afins.

Quanto custa abrir um pub

Pensar em como montar a estrutura de custos do seu pub, ou seja, conhecer os custos e despesas para abrir o seu negócio, é fundamental. Você pode dividir esses valores em três tipos: custos variáveis, custos fixos e despesas comerciais.

Custos variáveis

Aumentam em proporção direta conforme os produtos e serviços são comercializados e, por isso, podem variar. É o caso das bebidas e dos alimentos, bem como dos prestadores de serviços terceirizados em períodos com mais movimento, como bartenders, seguranças, manobristas, auxiliares de serviços e garçons.

Custos fixos

São aqueles que não dependem da prestação dos serviços ou das vendas, pois são constantes para todo e qualquer nível de venda.

Entram nos custos fixos, por exemplo, os salários de funcionários fixos, aluguel, segurança, IPTU, produtos para higiene e limpeza da empresa e dos funcionários, contador e manutenção de software.

Conforme o negócio cresce, obviamente, se faz necessário ajustar o planejamento, repensando a estrutura conforme o seu plano de negócio.

Despesas comerciais

Esse tipo de despesa varia conforme o volume de vendas e de clientes. É o caso dos impostos diretos sobre as vendas, que dependem do regime tributário escolhido. Por isso é tão importante possuir um contador.

Também é o caso das taxas cobradas pelos meios de pagamento, como cartões crédito e débito ou boleto bancário, conforme as suas formas de recebimento.

Além desses valores, existe mais um grupo de custos que não é nem fixo, nem variável, mas que pode gerar algum impacto sobre as vendas, que é a sua divulgação.

Conforme o seu porte e o seu público-alvo, você pode precisar fazer flyers, cartazes, luminosos, anúncios em jornais de bairro ou de maior circulação, outdoors, chamadas publicitárias em rádio e televisão, em revistas e, claro, nos meios digitais, como por e-mail marketing, site, blog e redes sociais.

Agora é com você! Inclua todas as possibilidades no seu plano de negócio, pesquise e estude bastante, pois temos certeza que o seu pub tem tudo para dar certo.

Transforme o seu cardápio em uma poderosa ferramenta de vendas

Ebook enviado com sucesso!

Agora você pode ler este ebook sempre que quiser. Agradecemos o interesse.

O que você achou do post?

0 Respostas

Deixe seu comentário
Demonstração gratuita